Notícias

Sesi e Casas Jardim promovem seminário de SST para profissionais da pintura

Segunda-feira, 18 de julho de 2022

Evento realizado na quinta-feira, 14, teve como público pintores imobiliários e decorativos

As Casas Jardim e o Serviço Social da Indústria (Sesi) realizaram o ‘1º Seminário de Segurança no Trabalho: Pintor Seguro’. O evento aconteceu na última quinta-feira, 14, na Casa da Indústria, e contou com o apoio do Sindicato da Construção Civil (Sinduscon/AL), Equatorial Alagoas, Pincéis Atlas, 3M, Ibratin, Suvinil e Tintas Coral.

A programação teve palestras e apresentação do Teatro Socioeducativo do Sesi, que abordou a Segurança e Saúde no Trabalho (SST) de forma lúdica, além da distribuição de brindes, prêmios e sorteio de cursos da NR-35.

O seminário surgiu de uma demanda dos profissionais da pintura imobiliária e decorativa que estão, constantemente, expostos a riscos em relação à saúde e à segurança. Por isso, foram abordados temas como “Uso seguro da eletricidade”, pelo engenheiro de Segurança da Equatorial, Bruno Pimentel, e “Segurança na Construção Civil”, pelo engenheiro de Segurança do Sesi/AL, Diogo Brandão e pelo instrutor de Educação Corporativa do Sesi/AL, Walber Pitombeira.

O gerente de Segurança e Saúde para a Indústria (SSI) do Sesi Alagoas, engenheiro Alexandre Calzado, explica como a entidade pode contribuir para um ambiente de trabalho mais seguro, saudável e produtivo. “O Sesi atua há muitos anos na área de saúde e segurança do trabalho e, além das empresas, atende aos funcionários e a toda a cadeia de fornecedores. Esse público que está aqui, hoje, faz parte disso!”, afirmou.

O empresário Luiz Jardim lembrou que, após receber a demanda dos trabalhadores que participam do Clube do Pintor, procurou a Federação das Indústrias do Estado de Alagoas (Fiea) para buscar uma parceria. Durante as conversas, o projeto cresceu até se transformar no seminário para atender a uma preocupação da categoria.

“Nós temos um clube de relacionamento [com os pintores] onde sempre fazemos treinamentos. Em um determinado momento, um pintor muito conhecido deles [foi diagnosticado] com problema de pulmão. Depois ocorreu um acidente em Maceió e o pessoal disse: está na hora da gente voltar ao tema”, revela.

A presidente da Comissão de Ação Social do Sinduscon, Luíza Brasileiro, destacou como é importante realizar eventos deste tipo para pessoas que trabalham com o risco, entre eles, trabalho em altura. “É superimportante que eles estejam ok, sempre se renovando, se reciclando com essa questão da segurança do trabalho”, disse.

Entre dezenas de profissionais presentes na Casa da Indústria, Morgana dos Santos Araújo era a única mulher. Ela não abre mão dos equipamentos de segurança, principalmente, quando precisa utilizar o andaime. Na profissão que exerce há dois anos, Morgana conta que enfrenta preconceito, mas, que isso não atrapalha o trabalho dela. “Eu sou muito detalhista, gosto de tudo perfeitinho”, disse.

Compartilhe: